WHEY PROTEIN – saiba mais …

WHEY PROTEIN está na moda, revistas, academias, receitas em toda a parte alguém está usando ou comprando para usar.

Mas vamos esclarecer alguns mitos:

Whey protein só serve para ganhar músculo – não é verdade, pois ele é uma fonte proteica que vem sendo muito estudado. Inúmeros benefícios como saciedade e controle da glicemia, além da síntese muscular, tem se revelado. Assim, é indicado para quem deseja ter mais saciedade, pois ajuda a suprimir a grelina, um neuropeptideo que estimula o apetite. Whey protein tem se mostrado eficaz em idosos para prevenir e reduzir a perda de massa magra (sarcopenia), em diabéticos para controle da glicemia.

O termo whey protein (do inglês, proteína do soro) refere-se às proteínas isoladas do soro de leite. Essas proteínas são extraídas da porção aquosa do leite gerada durante o processo de fabricação de queijos e coalhadas. A constituição das proteínas do soro pode variar em tamanho, peso molecular e função, fornecendo a esse grupo protéico características click here específicas. São subdivididos nas denominadas frações, dentre as quais, principalmente: a beta-lactoglobulina, a alfalactoalbumina, a albumina do soro bovino, as imunoglobulinas e os glicomacropeptídeos.

Existem diferentes tipos de produto à base de whey protein disponíveis no mercado, que se diferenciam quanto a processo de extração; digestibilidade e velocidade de absorção; teores de proteínas, gorduras, carboidratos, lactose e presença de substâncias bioativas.

CONCENTRADO – uma desidratação do soro do leite aonde estão inclusas as proteínas e na maioria das vezes há um grande percentual de lactose

ISOLADO – aonde as proteínas são separadas da lactose, conseguindo um aporte de aminoácidos maior

HIDROLISADO – através de um processo enzimático a lactose e as proteínas são quebradas em aminoácidos se tornando mais apropriado para casos de alergia a proteína do leite e intolerância a lactose.

Mas atenção: não é porque é bom e todo mundo usa que dá pra sair consumindo livremente – biscoitos, smoothies, bolos …
Como todo complemento deve ser prescrito por um profissional qualificado, que irá observar as necessidades individuais, determinando as dosagens e os horários mais adequados para seu consumo.